texas-moody
Blog

Como melhorar a cobertura da COVID-19: Webinar para jornalistas oferecido por UNESCO, OMS e Centro Knight. Inscreva-se gratuitamente agora!

Um novo webinar multilíngue para jornalistas que cobrem a pandemia de COVID-19 está chegando.

“Variantes, vacinas e medicamentos: o que os jornalistas precisam saber para melhorar a cobertura da COVID-19”  será realizado na quinta-feira, 27 de janeiro, das 12h às 15h, horário de Brasília (GMT -3). Use um conversor de fuso horário, como este, para descobrir a hora na sua cidade.

O webinar será transmitido ao vivo pelo Zoom em inglês, com tradução simultânea para árabe, francês, espanhol e português.

Inscreva-se agora! 

COVID Webinar PT - Banner copy

Durante três painéis de uma hora, especialistas em saúde e ciência e jornalistas de diferentes regiões do mundo, incluindo representantes da Organização Mundial da Saúde, discutirão os desafios profissionais na cobertura da COVID-19, acesso desigual a informações e dados em constante evolução sobre COVID-19; mutações e variantes do vírus; e contextos globais para jornalistas que cobrem novos desenvolvimentos em torno da pandemia.

Este webinar é organizado pelo Centro Knight para o Jornalismo nas Américas da Universidade do Texas em Austin, em parceria com a UNESCO, financiado pela Organização Mundial da Saúde e pelo Programa Multidoadores da UNESCO sobre Liberdade de Expressão e Segurança de Jornalistas. O principal objetivo deste webinar multilíngue é ajudar jornalistas de todo o mundo a lidar com a evolução da cobertura da crise de COVID-19.

“Temos o prazer de unir forças com a UNESCO e a OMS novamente para continuar nossos esforços para alcançar milhares de jornalistas em todo o mundo, em vários idiomas, com recursos e treinamento para ajudá-los a melhorar sua cobertura da pandemia,” disse o professor Rosental Alves, fundador e diretor do Centro Knight.

“Dois anos de pandemia, estamos novamente entrando em uma nova fase. O papel dos jornalistas de fazer perguntas relevantes, quebrar o conhecimento científico mais recente e dissipar a desinformação para ajudar os cidadãos e os formuladores de políticas a se adaptarem a novos desenvolvimentos não pode ser subestimado. A UNESCO continua firmemente empenhada em apoiar os jornalistas para se manterem atualizados e lidarem com essa tarefa”, disse Guilherme Canela, chefe da Seção de Liberdade de Expressão e Segurança dos Jornalistas da UNESCO. “Vemos que as lições aprendidas com essa cobertura também podem ajudar em outras áreas onde desmascarar a desinformação é relevante, como eleições, mudanças climáticas e desastres naturais.”

Um excelente grupo de jornalistas científicos, cientistas e outros especialistas discutirá maneiras de melhorar a cobertura da imprensa sobre a pandemia e questões fundamentais que repórteres e editores devem considerar ao informar o público sobre o COVID-19. O webinar também abordará formas de combater a desinformação.

Os palestrantes incluem:

  • Guilherme Canela, chefe da Seção Liberdade de Expressão e Segurança dos Jornalistas, UNESCO
  • Gabriella Stern, diretora de comunicações da Organização Mundial da Saúde
  • Deborah Blum, diretora do Knight Science Journalism no MIT
  • Davey Alba, repórter do New York Times (EUA)
  • Federico Kukso, jornalista científico independente e membro do conselho do WFSJ (Argentina)
  • Mandi Smallhorne, presidente, Associação Sul-Africana de Jornalistas Científicos e vice-presidente do WFSJ (África do Sul)
  • Jane Qiu, jornalista científica independente (China)
  • Maria Van Kerkhove, responsável técnica sobre COVID-19, Organização Mundial da Saúde
  • Kai Kupferschmidt, repórter da Science Magazine (Alemanha)
  • Angela Rasmussen, virologista da Organização de Vacinas e Doenças Infecciosas da Universidade de Saskatchewan (Canadá)
  • Purvi Parikh, alergista e imunologista da Allergy and Asthma Associates of Murray Hill, e professor assistente clínico da New York University School of Medicine (EUA)
  • Margaret Harris, porta-voz para COVID-19, Organização Mundial da Saúde
  • Akin Jimoh, editor da Nature Africa (Nigéria)
  • Amy Maxmen, repórter sênior da Nature (EUA)
  • Josh Michaud, diretor associado de saúde global da Kaiser Family Foundation (EUA)
  • Mohammed Yahia, editor executivo da Nature Research no Oriente Médio (Egito)

O Centro Knight publicou recentemente  briefings multilíngues com dicas e insights sobre a cobertura da COVID-19 no Sul Global. Esses briefings regionais, escritos por jornalistas científicos baseados em cinco regiões, estão disponíveis para:

As gravações multilíngues do próximo webinar serão adicionadas a um hub especial de cursos e recursos sobre a cobertura da COVID-19, hospedado no site de Cursos de Jornalismo do Centro Knight. Este hub de materiais pedagógicos tem links para os briefings, cursos autodirigidos sobre cobertura da pandemia e vacinas e o webinar do ano passado "Cobrindo as vacinas contra a COVID-19: o que os jornalistas precisam saber", disponível em 13 idiomas. O hub foi criado pelo Centro Knight, em parceria com a UNESCO e com financiamento da União Europeia.